Notícias

05 de janeiRO DE 2021

Educação Profissional e Tecnológica tem novas Diretrizes Curriculares Nacionais

Jovem marceneiro sob a supervisão de um técnico profissional

Documento orienta instituições de ensino que oferecem cursos dessa modalidade

O Ministério da Educação (MEC) homologou as novas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) para a Educação Profissional e Tecnológica (EPT). A portaria foi publicada no Diário Oficial da União no dia 4 de janeiro.  

O novo documento tem como objetivo orientar os sistemas e as instituições de ensino que ofertam cursos dessa modalidade em todos os níveis.

As novas diretrizes substituem dois documentos que se referiam a cursos de Educação Profissional e Tecnológica (EPT) em níveis distintos e foram atualizadas a fim de considerar as mudanças de cenário, a nova realidade e também as legislações atuais.  

Segundo o Ministério da Educação (MEC), ao reunir todos os níveis educacionais em um único documento de orientação, as novas diretrizes geram maior coesão para a Educação Profissional e Tecnológica (EPT). Ou seja, segundo o Parecer CNE/CP nº 17/2020, que aprovou as novas DCN, em novembro de 2020, a revisão do documento visa atender adequadamente às mudanças que devem ser implementadas na educação brasileira, dando a devida atenção às demandas atuais do mundo do trabalho em constante evolução.  

Essas Diretrizes Curriculares também contêm orientações que possibilitam as instituições de ensino públicas e privadas organizar suas ofertas com maior liberdade, estruturando os seus cursos e programas na perspectiva de efetiva construção de itinerários formativos. 

Os itinerários formativos devem ser organizados por meio da oferta de diferentes arranjos curriculares, conforme a relevância para o contexto local e a possibilidade dos sistemas de ensino.  

Outras informações no site do MEC.

Termos de uso e política de privacidade